SOMOS DIFERENTES HOJE, OS DO PORTO

 

DSC_0095

DSC_0096

 

O Porto já era uma cidade liberal antes do liberalismo, não só nos aspectos administrativos ou políticos, mas sobretudo no pensamento e comportamento da sua população industriosa, comerciante, orgulhosa da sua autarquia e dos seus privilégios seculares de independência face às classes aristocráticas. (…)

Muita água correu junto ao cais e aos varadouros onde se aparelhou a armada de Ceuta. Muitas gerações se esgotaram em tantas vidas diferentes desde essa época, mas a memória, o sabermos que nesse tempo estávamos desse lado, constrói a nossa identidade.

Somos diferentes hoje, os do Porto, porque nesses momentos remotos estivemos lá, onde importava que estivéssemos, e digo estávamos porque hoje nos identificamos com os antepassados que estiveram.

Rui Ramos Loza In Porto: a dimensão intangível na cidade histórica. – Porto Património Mundial, 2002

Anúncios